MUITO MAIS DO QUE UMA EMBALAGEM, MARJORIE VICENTE ACREDITA NO VESTU┴RIO COMO A EXPRESS├O DO NOSSO CONTE┌DO.
 

 

       
 

Momento do Consumo

Você já se perguntou qual a sua relação com as roupas que “consome”? Você as enxerga de forma passiva por nos receber aceitando o nosso cheiro, suor e forma como Stallybrass aponta em “O casaco de Marx: roupas, memórias e dor”, ou como agente transformador? Que homem ou mulher você pode vir a ser à partir da roupa que usa?

Os objetos não existem só à partir da ação do homem, eles são co-produtores. Basta pensar nas peles que sobrepomos às nossas e que podem agir numa perspectiva homogeneizadora ou em busca da singularidade.
Muito mais do que uma embalagem, Marjorie Vicente acredita no vestuário como a expressão do nosso conteúdo. Uma revelação silenciosa e contínua da nossa identidade!

Rosane Preciosa, no livro Produção Estética, escreveu que a roupa pode atuar como uma extensão do nosso jeito de ser, ou nos imobilizar, travando o nosso movimento natural. A psicóloga de imagem concorda e acrescenta: Se descubra, e automaticamente, atraia e adquira só o que “lhe cair bem”, em todos os sentidos.

Neste nicho, Marjorie Vicente atua como consultora de imagem, mas, com o foco mais centrado na Psicologia do que na Moda propriamente dita. O que inclui a busca pelo seu estilo de acordo com a sua personalidade; análise do seu guarda-roupa à partir do seu “lifestyle”, estudo de cores e a mensagem revelada por cada uma delas, e por fim, uma análise do “momento de consumo”.   

Suas compras nunca mais serão as mesmas!

 

 
       
  © Marjorie Vicente - 2010