Fina Estampa aos olhos da psicóloga Marjorie Vicente

Nova trama da Rede Globo é analisada pela
Psicologia de Imagem

Diante da indignação de Antenor (Caio Castro) mostrada na novela Fina Estampa da Rede Globo, estreada na segunda-feira (22) em ter uma mãe masculinizada em função do seu trabalho de “faz-tudo”, a psicóloga de imagem Marjorie Vicente explicou a origem desse sentimento de vergonha e da necessidade de aceitação.

Sempre buscando equilíbrio entre a imagem real e a desejada, a psicologia de imagem defende que a atitude de Antenor ocorre porque Griselda (Lilia Cabral) não corresponde aos estereótipos esperados e, sobretudo, pelo fato da cobrança social ser muito intensa. “Em relação à família da namorada, é nítido que ele se sente inferior pelo nível social. É como se só este quesito fosse importante para ele ser admirado e aceito.” – comenta Marjorie.
Para debater sobre a indiferença de Griselda com sua feminilidade, a psicóloga diz que a mãe viúva precisou se virar de alguma forma para sustentar os filhos, sem tempo de pensar em sua aparência. Por ter habilidades voltadas para atividades tipicamente masculinas, acaba agravando a situação.

Outro personagem da trama que causa muitas reflexões é a dondoca Tereza Cristina (Christiane Torloni). A “futura sogra” de Antenor acha natural viver de aparências e mostrar a superioridade dos que nasceram ricos. Apesar desse seu jeito fútil, ela guarda um segredo do qual morre de medo de ser revelado. A psicóloga Marjorie Vicente também comenta que admitir fraquezas não é uma tarefa fácil, e fazer uso de uma “máscara” é muitas vezes a “melhor” forma que a pessoa encontra de lidar com isto.  “O risco é a pessoa se distanciar cada vez mais da sua verdade e acabar se perdendo em meio a tudo isto. Ironicamente, na trama, Tereza Cristina se defende através de uma personagem, assim como o seu “indesejado genro”” – completa.

Em grande parte, as novelas que abordaram esse tema, a vergonha surge por conta de suas condições sociais. A Rede Globo não começou a representar esse assunto na trama de Fina Estampa. Para finalizar, Marjorie recorda: “Na novela das sete, Morde & Assopra, por exemplo, Guilherme (Klebber Toledo) diz na cara da mãe sentir vergonha de ser seu filho. Foi capaz de mentir que havia estudado Medicina, quando na verdade gastava o dinheiro suado da mãe para se divertir no Rio de Janeiro”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>